Cronologia


Cronologia:

 20 Setembro 1975

A delegação portuguesa propõe aos partidos timorenses conversações em Macau.

 24 Setembro 1975

Chega a Lisboa o Governador de Timor, vindo de Ataúro.
Os refugiados da UDT reunidos em Batugadé são autorizados pelo governo indonésio a instalar-se em Timor Ocidental.

  Outubro 1975

Forças indonésias intervêm a noroeste de Timor, ocupando zonas fronteiriças e lançando operações terrestres, aéreas e navais.

05735.002.003

 16 Outubro 1975

As tropas indonésias entram em Batugadé.
São assassinados cinco jornalistas em Balibó, que cobriam os acontecimentos para meios de comunicação australianos. As forças invasoras indonésias e os seus apoiantes no interior do Território obtêm assim o silenciamento da imprensa internacional.

 14 Novembro 1975

O exército indonésio começa o ataque a Atabae.

 27 Novembro 1975

Negociações entre Portugal e os partidos timorenses marcadas para Darwin são boicotadas pela Indonésia.

05733.036.036

 28 Novembro 1975

A FRETILIN declara a independência unilateral da República Democrática de Timor-Leste (RDTL).

 29 Novembro 1975

Portugal não reconhece a declaração unilateral de independência nem a integração na Indonésia defendida por alguns partidos.

05735.002.001

 30 Novembro 1975

Representantes da UDT, APODETI (Associação Popular Democrática Timorense), KOTA (Klibur Oan Timor Aswain) e Partido Trabalhista assinam, sob controlo indonésio, uma "Proclamação da Integração" ou "Declaração de Balibó", em que defendem a integração de Timor-Leste na República da Indonésia, solicitando "medidas imediatas no sentido de proteger as vidas das pessoas que ora se consideram elas próprias como parte do Povo Indonésio vivendo sob o terror e práticas fascistas da Fretilin consentidas pelo Governo de Portugal."

 02 Dezembro 1975

Início do debate sobre Timor-Leste no IV Comité da Assembleia Geral das Nações Unidas.

 06 Dezembro 1975

O Presidente norte-americano Gerald Ford e o Secretário de Estado Henry Kissinger encontram-se com o general Soeharto, que lhes pede "compreensão" para uma "acção rápida e drástica" contra Timor-Leste. Ford declara a sua compreensão e afirma que não exercerá pressões, compreendendo o problema e as intenções indonésias, enquanto Kissinger alerta para os problemas que poderão surgir com o emprego de armas "US-Made" - na verdade, foi utilizado muito equipamento e armamento "URSS-Made".

05735.002.008

 07 Dezembro 1975

Forças aéreas, navais e terrestres indonésias lançam a "Operação Komodo" de invasão de Timor-Leste.

 07 Dezembro 1975

Portugal denuncia a invasão de Timor-Leste e corta relações diplomáticas com a Indonésia.


[Início] [Anterior] Página 4 de 19 [Seguinte] [Última]

| Arquivo & Museu da Resistência Timorense | Cronologia | Documentos da Resistência Timorense | Combatentes da Libertação Nacional | Fundação Mário Soares | Multimédia | Textos | Apoios | Notí­cias de Timor-Leste | Links | Ficha Técnica | Contactos | Mapa do Site | 

Valid CSS! Valid HTML 4.01 Transitional